7 de janeiro de 2009

Férias ? (Des)canso



Quarta feira 15:30 - horário aproximado que o ônibus que sái de São João Nepomuceno com destino à Juiz de Fora faz sua parada na cidade de Rio Novo, lugar onde desso com minhas 2 malas (uma de mão e outra de rodinhas) com destino à casa da Júlia - minha amiga, irmã e filha.
A conversa fluiu até altas horas da madrugadas, e eu, acabei não conseguindo durmir, mas vendo o dia aparecer por trás dos quebra luzes da sacada ao som dos Los Hermanos e do Cazuza.
Às 8:00 nós duas de pé, e eu como sempre fazendo rios e mais rios de chá de café para suprir nossas energias de um dia inteiro.
Depois de almoçar no restaurante da mãe da Jú, fomos assistir as jogos estaduais na cidade e conhecemos várias pessoas de vários lugares.
"Ô Alessandro onde você vai ? - perguntou um indivíduo de nome desconhecido. Vou no alojamento. - disse nosso mais novo amigo de infância. Fazer o quê ? - volta a perguntar o jogador sem-nome. Ah, vamos pegar um absorvente e voltamos. - disse o Samir, outro jogador que ficou amigo nosso."
Depois de trocar MSN's, telefones e algumas partidas de mau-mau e de truco, voltamos para casa e nos arrumamos para sair. Comemos pizza no restaurante da mãe da Jú com a turma lá de Rio Novo (os garotos não podiam sair do alojamento depois das 22:00).
Fomos para praça (que fica em frente ao restaurante) onde encontramos com a outra parte da turma (o que nos rendeu umas 25 pessoas no mínimo naquela panelinha). Os assuntos ? Os mais diversos, falamos de tudo um pouco, te tudo MESMO - fizemos até alguns experimentos químicos "a luz do luar" - cloro, alcool na garrafa pet depois de sacudir bastante (não façam isso). Voltando às 4:30 da manhã debaixo da cerração acordamos às 14:00. Depois foram piquiniques com direito a ficar perdidos pegando a trilha errada, idas à fazenda, perda de havaianas, idas à cachoeira, passeios de charrete pela praça central conduzidas pelo tio da Jú dizendo: "Quero ver vocês pagando esse mico sexta-feira à noite".
O final dessa história resumida ? Eu no ônibus às 20:50 na quinta feira ao som da trilha sonora de Um amor pra recordar com uma lágrima no rosto pensando que era triste deixar isso tudo pra trás.

Marcadores:

9 Comentários:

Blogger Tatah Santini disse...

HUm, cidade legal, pela foto dá pra ter uma idéia. Mas cidades pequenas geralmente só são boas pra passar umas férias, com algumas exceções. :)

7 de janeiro de 2009 14:52  
Blogger Karen Barbarini disse...

Ai que bonitinha essa sua história de férias...As minhas (todas) sempre foram meio paradonas e sem graça, por que eu sou preguiiçosa demais e morava longe de todos os meus parentes....invejo pessoas com férias felizes! hahahah
bjs
ps: www.inkatharsis.blogger.com.br

7 de janeiro de 2009 15:55  
Anonymous Jhé Cruz disse...

Rio Novo? Vou lembrar dessa cidade com carinho agora ;)

7 de janeiro de 2009 16:05  
Anonymous Line disse...

a segunda TDB hj que vejo que quer tentar psicologia! vou ter concorrência! XD

achei fofa a história! não consegui arranjar uma história minha que fosse interessante pra ser contada...

bjo =*

7 de janeiro de 2009 16:21  
Blogger Francisca Nery disse...

se tem algo que me mata eh retorno de viagem ;/

7 de janeiro de 2009 17:51  
Blogger Robbie Jacks disse...

Nunca tive um amor de férias :(((

8 de janeiro de 2009 18:15  
Blogger Renata disse...

Oooi! (:
vi o link do seu blog lá na Capricho.
aai, Twilight é tudo na minha vida, meu maior vício, depois de Gossip Girl, é claro.
AAAAAAAAH! UM amor pra recordar é MARAA! Meu filme preferido. Choro liiitros. *-*

beeijos.
adorei aqui e o que vc escreve!

9 de janeiro de 2009 08:04  
Anonymous Lara Moreira disse...

Driele e Rio Novo City...
ô menina pra gostar de ir pra lá!

hahah

beijoos ;*

11 de janeiro de 2009 06:24  
Blogger Francisca Nery disse...

pode linkar sim, ja linkei o teu aqui ;]]
aah, aproveite que o desejado dezoitao chegou e saia para uma aventura de mochila nas costas. te garanto, com pouco voce viverah inumeras memorias boas e engracadas ;D

11 de janeiro de 2009 12:30  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial